49 . 3444 0492
49 . 98502 7012

ACERVO



HUSQVARNA


No ano de 1689, o rei Carlos XI da Suécia concedeu ao conde Eric Dahlberg a permissão para se construir, na vila de Huskvarna, região sul do país, uma manufatura(fabricar algo manualmente) de mosquetes(uma das primeiras armas de fogo usada entre os séculos XVI e XVIII). Nesse ano era fundada a Husvarna Riflle Factory que fabricava as armas para o exército sueco. Também, anos mais tarde, passou a produzir armas esportivas chegando a mais de 100 modelos diferentes em produção. Mas em 1872 o contrato para fabricação de armas para o império sueco termina. Nesse período entra em cena a ambição e a inovação da empresa em agregar uma gama enorme de produtos para serem produzidos.
Mas o que tem a ver o império sueco, a manufatura e o mosquete com máquinas de costura?
É que quase completando 200 anos, a empresa fabricou pela primeira vez uma máquina de costura: produto que estava em seu início de desenvolvimento. Foi em 1872. Recebeu o nome de North Star, mais conhecida como catback pelo seu disign sendo produzidas 500 peças apenas. Mas não foi um sucesso.
Apenas onze anos depois a Husqvarna produziu seu segundo modelo, chamado de Freja, fazendo deste um sucesso. Mais de 200 mil peças foram vendidas.
Na sequência foi lançada a Triunf, destinada a costureiras e alfaiates profissionais sendo um sucesso de vendas também. Mais tarde foi adicionado o sistema de Bobina Central dando mais velocidade de costura e diminuição do barulho.
Em 1934 surgiu o modelo CBN Classe 12 sendo a primeira máquina de costura elétrica que a Husqvarna produziu.
Em 1947 outro lançamento inédito da empresa: a máquina de zigue zague com braço livre que permitia costurar peças tubulares(mangas, pernas de calças).
Antes da Segunda Guerra Mundial a empresa produzia 40 mil máquinas por ano. No primeiro ano após a Guerra o número tinha saltado para 73 mil anuais. E em 1951 já se tinha ultrapassado a marca de 100 mil unidades por ano.
Também a Husqvarna, através de seus técnicos, desenvolveram de forma exclusiva o gancho à prova de atolamento. Esse sistema é usado ainda hoje nas máquinas atuais.
Em 1971 foi desenvolvido um sistema de lubrificação permanente utilizando o aço sinterizado em suas peças e a Husqvarna 6030 foi a primeira máquina autolubrificada do mundo. Cinco anos depois a empresa lançava um modelo que continha um microchip, inaugurando a era das máquinas de costura eletrônicas.
A Husqvarna também produziu, a partir de 1872, e produz ainda, ferramentas para a jardinagem, utensílios domésticos como louças, balanças, fogões, ferros de passar, triturador de carnes além de produzir bicicletas e motociclos e dois produtos que ficaram mais conhecidos: corta relva e motosserra.
Em 1995 nasce o robô corta relva. O primeiro aparelho para o segmento totalmente robótico e movido exclusivamente por energia solar.
Hoje a Husqvarna continua a produzir máquinas de costura no mesmo lugar de origem: ao lado das cachoeiras da vila de Huskvarna, na Suécia.




TOPO